Fórum São Paulo. EPISTEMOLOGIAS E MEMÓRIAS SITUADAS: DA ESCUTA À ESCRITA. REFLEXÕES DESDE A PRÁTICA

Fórum Internacional Mulheres Transformam os Museus. Da Igualdade à Equidade.

Fórum São Paulo. EPISTEMOLOGIAS E MEMÓRIAS SITUADAS: DA ESCUTA À ESCRITA. REFLEXÕES DESDE A PRÁTICA

18/11 e 19/11/2021 – das 10h às 13h30 (BRASIL e ARGENTINA) – das 14h a las 17h30 (ESPANHA)

Inscrição, transmissão e emissão de certificados: http://eventos.ucm.es/go/forosaopaulo 

Haga clic AQUÍ y consulte la programación completa del evento.

Clique AQUI e acesse o perfil dos participantes.

Epistemologias e memórias situadas: da escuta à escrita

Para acceder al folleto en español, haga clic AQUÍ

  • De quem são os museus? Para quem estão destinados? Onde estão as mulheres nos museus? Onde estão as mulheres indígenas racializadas e empobrecidas? Os museus são espaços de presença e autoridade femininas? Como as mulheres trabalham em museus? Para que servem os percursos, as exposições temporárias sobre as mulheres, se os discursos permanecem os mesmos? Os museus mudaram em relação às mulheres? Eles se abriram para associações feministas? Compartilham conhecimento e saberes com os institutos feministas e de gênero das universidades? Como definir uma agenda de igualdade que abra os museus? Qual é a voz das mulheres na cultura?
  • Onde estão e como se posicionam as mulheres artistas e suas obras, como são abordadas nos museus, na educação formal e não formal, assim como nos espaços públicos e nas publicações científicas e especializadas?
  • Considerando uma perspectiva glocalizada, como entender as implicações e os atuais contornos dos feminismos, das atuações em redes e dos artivismos com foco nas questões de gênero nas cidades contemporâneas, cenários de profundas transformações? 

Com o tema: Epistemologias e Memórias Situadas: da Escuta à Escrita. Reflexões desde a prática, nos propomos a configurar uma cartografia contemporânea de boas práticas em contexto ibero-americano sobre as questões da memória através do protagonismo feminino e narrativas de comunidades, por meio da análise das práticas museológicas, educacionais e artísticas envolvidas com os territórios, a equidade de gênero e direitos humanos.
As conquistas, obstáculos, recursos e demandas que emergiram dos processos de escuta e intercâmbio desenvolvidos ao longo de 2021 pelos três países articuladores – Espanha, Argentina e Brasil, foram as bases e as diretrizes para o terceiro e último encontro internacional a ser realizado na cidade de São Paulo, Brasil. Fortalecer redes, ampliar o intercâmbio e dar visibilidade às práticas e pesquisas estão entre os desafios do Fórum MULHERES TRANSFORMAM OS MUSEUS. DA IGUALDADE À EQUIDADE. Além da página web especialmente desenvolvida para agregar as múltiplas vozes e miradas entrelaçadas ao longo do projeto - https://www.mujerescambianlosmuseos.com/presentacion-apresentacao/#, e contando com a participação dxs pesquisadorxs, artistxs, museólogxs participantes dos três Fóruns internacionais, estamos organizando a edição de um vídeo-livro que publicaremos em 2022 como um dos diversos resultados gerados pelo projeto co-elaborativo.

Profa. Dra. Lilian Amaral
DIVERSITAS USP

18/11

18/11 - Epistemologias situadas

10h – Abertura Lilian Amaral (DIVERSITAS USP | Brasil), Marián Cao (UCM/Espanha) e Andrea Pegoraro (Argentina)

10h15 - Mesa 1

Epistemologias situadas: Cartografia de pesquisas no campo da museologia social, gênero e
educação em rede ibero-americana.

Profa. Dra. Mônica Barcelos – Coordenadora da Unidade Técnica do Programa Ibermuseus | Brasil e Portugal 

Profa. Dranda. Nádia Almeida – Coordenadora do Ecomuseu de Maranguape | Doutoranda em Ciência da Educação na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto (FPCEUP), Integra diretoria executiva da ABREMC | Brasil

Profa. Dra. Adriana Segura – Coordenadora Educacional do Museo Ixchel del Traje Indígena | Guatemala.

Mediadora: Profa. Dra. Lilian Amaral | Coordenadora projeto Mulheres Transformam os Museus pelo Brasil / DIVERSITAS USP

18/11 - Da escuta ativa participativa à escrita colaborativa.

11h45 – Mesa 2

Da escuta ativa participativa à escrita colaborativa. Co-criação e narrativas da memória de mulheres em contextos expandidos.

Mila Chiovatto – Mestre em Ciências da Comunicação/ECA-USP. Coordenadora do Núcleo de Ação Educativa – Pinacoteca de São Paulo.

Gabriela Aidar – Mestre em Fine Arts Museum Studies – Universidade de Leicester – UK. Coordenadora de Programas Educativos Inclusivos/Núcleo de Ação Educativa – Pinacoteca de São Paulo.

Flora Gurgel – Graduada em Arquitetura pela UFES. Assistente de curadoria - Museu da Pessoa, São Paulo.

Mediadora: Profa. Dra. Lilian Amaral | Coordenadora projeto Mulheres Transformam os Museus pelo Brasil / DIVERSITAS USP

18.11 - Diálogo com Maré de Matos - Museu das Emoções

12h45 – Diálogo com Maré de Matos - Museu das Emoções

Maré de Matos. Artista transdisciplinar. Mineira, do Vale do Rio Doce. Graduada em Artes Visuais pela Escola Guignard (UEMG). Mestre em Teoria Literária (UFPE) e atualmente desenvolve o projeto Museu das Emoções no Doutorado (DIVERSITAS USP).

Mediadora: Profa. Dra. Lilian Amaral – Coordenadora Brasileira - projeto Las Mujeres cambian los museos. De la Igualdad a la equidade. DIVERSITAS USP | Brasil


19/11

19/11 - O Museo é o mundo

10h-11h30. Mesa 01

O Museo é o mundo: Prospecções e Ressonâncias acerca da memória, inclusão e equidade de gênero em museus em contexto ibero-americano. Cartografia de boas práticas, narrativas plurais e publicações.

Marián Cao (UCM / ES), Andrea Pegoraro (UBA/AR), Lilian Amaral (USP/BR)

19/11 - Atravessando fronteiras

11h30-12h30. Mesa 02

Atravessando fronteiras. Narrativas decoloniais em “primeira pessoa”. Video-carta como dispositivo identitário, co-criação em rede e transformação social.

Lilian Amaral – Artista transdisciplinar, curadora e pesquisadora no campo da arte urbana contemporânea, esfera pública, imaginário social, gênero e meios tecnológicos em contexto ibero-americano. Pesquisadora do Media Lab BR | UFG onde é  líder do Grupo de Pesquisa Holos – Ecossitemas Transversais e conectividade. Pesquisadora junto ao DIVERSTAS USP. Integra a Colectiva Portal de Igualad na Espanha e é representante para América Latina.  Coordenadora Brasileira do Projeto Mulheres Transformam os Museus. Da igualdade à Equidade.

Daniel Perseguim – Mestre em Estética e Historia da Arte pela USP, media designer e educador no campo da comunicação Desenvolve criações e pesquisas em arte, educação, tecnologia por meio de textos, imagens, sons e suas extensões.

19/11 - Avaliações, informes e ressonâncias.

12h30-13h

Avaliações, informes e ressonâncias.

Enceramento com Marián Cao (UCM / ES), Andrea Pegoraro (UBA/AR), Lilian Amaral (USP/BR) – Projeto Mulheres Transformam os Museus. Da igualdade à equidade e Davidson Kaseker – Diretor do SISEM – SP.- Sistema de Museus da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo

* Este fórum terá reconhecimento e emitirá certificado de participação outorgado pela Universidade Complutense de Madrid. Haverá um sistema de controle de inscrições com emissão de relatório da lista de inscritos no fórum presentes na sala de conferências em cada um dos dias. (http://eventos.ucm.es/go/forosaopaulo)

Clique AQUI e acesse o perfil dos participantes.