zilda márcia grícoli iokoi

Programação Rio de Janeiro

 

Programação

Rio de Janeiro (UNIGRANRIO – Campus Caxias) – 4, 5 e 6 de Abril

 

4 de abril

16h00 às 18h00 - Credenciamento

19h00 - Sessão de Abertura:

Programação São Paulo

 

PROGRAMAÇÃO

São Paulo (Memorial da América Latina)

Local: Auditório da Biblioteca Latino-americana

 

 

1º de abril

 

16h00 às 18h00 - Credenciamento

 

19h00 - Sessão de abertura

Vozes da Terra

Autor: 
Orgs: Zilda Márcia Grícoli Iokoi; Márcia Regina de Oliveira Andrade; Simone Rezende; Suzana Ribeiro
Editora: 
FUNDAÇÃO ITESP
Ano: 
2005
ISBN: 
2147483647
Sumário / Índice: 

 

É preciso destacar que os assentamentos rurais não constituem por si só um processo de reforma agrária. Entretanto, é fundamental perceber que em muitos lugares ele já significa ua nova configuração territorial inclusiva. (...) os depoismentos dos assentados permitirão ao leitor verificar a variedade de situações existentes em São Paulo, de modo a alertar os interessados da necessidade de diversificar as demandas por terras ou dispensá-las em diferentes casos. Iso significa que, desde 1988, muito já se obteve no sentido do redesenho fundiário no país. Isto se deve às lutas pela terra, mas também à fixação de normas para que sejam cumpridos os requisitos necessários de atendimento à função social da propriedade.

Zilda Márcia Grícoli Iokoi

Êxodos: Programa Educacional: Leituras, narrativas e novas formas de solidariedade no mundo contemporâneo

Autor: 
Zilda Márcia Grícoli Iokoi
Editora: 
Bei Comunicação
Ano: 
2000
ISBN: 
2147483647
Área do Conhecimento: 
História
Área Específica: 
História Contemporânea
Sumário / Índice: 

"Deslocamentos populacionais e novas formas de solidariedade"

Livro 1 

Este trabalho apresenta aos leitores um conjunto de materiais para o estudo dos delocamentos populacionais, considerados em dois sentidos: refugiados de guerras ou perseguidos por dproblemas políticos e os deslocamentos individuais. Trata-se de discutir o tema da exclusão a partir das imagens registradas por Sebastião Salgado. O caminho escolhido foi o da construção de narrativas literárias que, juntamente com as narrativas fotográficas de Salgado, permitam ao leitor analisar criticamente a situação de populações inteiras atingidas pelo processo de globalização negativa, ou seja, a exclusão econômica, social e política de parcelas significativas da população do planeta. 

Fotografias de Sebastião Salgado

Texto de Zilda Márcia Grícoli Iokoi

Divulgar conteúdo