Ficha Técnica dos Filmes

 

A terra (AL-ARD), 1969, Egito, 2h10’, AVI, Direção: Youssef Chahine

Sinopse: O filme narra o conflito entre camponeses e os proprietários na zona rural do Egito, em 1930, e explora a complexa relação entre os interesses individuais e respostas coletivas à opressão.

 

ALLEPOW, 2017, Brasil, 60’, AVI, Direção: Pedro Paulo Rocha

Sinopse: O fylme se passa dentro da realidade. O cinema é controlado por W. que cerca toda a cidade com seu exército imaginário mas o cérebro eletrônico é invadido  inesperadamente por Vírus espalhados: é  ELLA  infiltrada com  seu BANDO  por dentro da  realidade !  e quando você  percebe você já é a personagem real do filme!

 

Os Fuzis, 1964, Brasil/Argentina, 90’, 35 mm, Direção: Ruy Guerra

Sinopse: Ano de 1963, policiais chegam a uma cidade pobre do Nordeste brasileiro para impedir que a população saqueie um depósito de alimentos. Em meio a um cenário desolador, os policiais ficam chocados com a negligência do governo que, ao invés de mandar alimentos para os moradores famintos, manda soldados.

 

Filmes a serem exibido por Claire Angelini

 

Antes de ontem, o future (AVANT-HIER LE FUTUR), 30', HD, 2016

Sinopse: O filme é uma espécie de constelação de confrontos: entre dois homens carregados de visões radicalmente opostas do mundo, entre um não-ator e um texto literário, entre um corpo e a memória de um lugar, entre uma música carregada com uma forte história política e uma paisagem urbana. Do choque de palavras, gestos, as ideias surgem a possibilidade estética e política de uma revolta como o ressurgimento final e o endereço para o futuro.

 

Fragmento de luz (FRAGMENT DE LUMIÈRE), 9', HD, 2016

Sinopse: Uma releitura de Luz de Verão (1942), filme dirigido por Jean Grémillon na época da ocupação nazista. 70 anos depois essa remontagem revela o discurso de resistência do filme. Um gesto de arqueologia que pode encontrar ressonâncias na atualidade.

 

A infância da arte, uma invenção (L'ENFANCE DE L'ART, UNE INVENTION), 25', HD, 2017

Sinopse: Se os irmãos Lumière, industriais burgueses, filmaram seu mundo, qual foi o lugar que eles outorgaram aos trabalhadores ? O cinema é uma máquina que participa da exploração ou ele porta em germe a promessa emancipatória de uma felicidade reconfigurando – ao fixar os vestígios – nossa relação com o trabalho?

 

Crônica do terceiro-excluído, uma ficção política (CHRONIQUE DU TIERS-EXCLU, une fiction politique), 116', HD, 2017 (Serão apresentados apenas trechos)

Sinopse: Usuários do Hospital psiquiátrico de Armentières retraçam a epopeia coletiva de um estabelecimento reconstruído pelas últimas gerações de funcionários, atores militantes de mudanças radicais. Uma evolução decisive que realiza um balanço de um período da psiquiatria francesa e seus combates.

 

Filme oficina Joris De Bisschop

 

Oficina 1

A sociedade lozeriana de higiene mental (La société lozérienne d'hygiène mentale), 1957, 40’, AVI.

Sinopse: Filme sobre a organização do hospital de Saint-Alban-de-Limagnole, experiência fundadora da psiquiatria institucional.

Oficina 2

La Borde (Fragments d'une expérience initiée à la Borde), 40’, AVI, 2009 - Filme coletivo feito de fragmentos de uma experiência iniciada na clínica

Filme-documento em processo de realização na La Borde graças a seu Clube Terapêutico.