A FORMAÇÃO TEÓRICA DE BUKHÁRIN E A TRANSIÇÃO NA URSS: 1906 -1921

Autor: 
Aparecido Francisco Bertochi
Local: 
Marília
Ano: 
2005
Idioma: 
Portugues
Numero de Páginas: 
204
Resumo / Abstract: 

Esta pesquisa objetiva resgatar a formação teórica e política do comunista de esquerda Nikolai Ivanovitch Bukhárin, por meio da análise de suas obras, como da consulta às  obras de Lenin, de historiadores e de comentadores, visando a compreensão do processo  de transicão direta ao comunismo na URSS, entre 1918-1921. Por meio de sua profícua  produção política Bukhárin foi um dos teóricos bolcheviques que mais contribuiu, entre    1912 até 1921, ao lado de Lenin, para o aprofundamento das questões do imperialismo,  do Estado e da transiçãoparticularmente, da soviética, no interior das correntes  marxistas contemporâneas. Foi a partir da elaboração de sua teoria sobre o im e, posteriormente, também da de Lenin, que se formaram, nas correntes marxistas  contemporâneas, as concepções atuais que embasam a compreensão teórica do  imperialismo e da globalização. Autor de teses originais e muito polêmicas, Bukhárin  foi durante boa parte de sua vida membro e um dos líderes do grupo dos comunistas de  esquerda, e esteve em frontal oposição às propostas e idéias de Lenin, em diversas  circunstâncias. Porém, isso nunca foi motivo suficiente para provocar uma ruptura  efetiva entre ambos. Mas, ao contrário, estes debates contribuíram muito para o  amadurecimento do pensamento teórico destes dois importantes formuladores da  primeira tentativa concreta de transição ao socialismo, buscada durante a constituição  da URSS.    Palavras chave: revolução – comunismo de guerra - Estado - socialismo - transição. 

Para acessar o texto clique aqui

 


 

Área do Conhecimento: 
Ciências Sociais
Área Específica: 
Sociologia